Fotógrafo Analógico #3: Breno Barros (PA)

Para compartilhar seu trabalho fotográfico analógico, basta enviar um e-mail para caio.abril@gmail.com com até 15 fotografias feitas por você usando filme (qualquer formato), respondendo algumas perguntinhas (sugestão). Seleciono trabalhos com temáticas bem construídas e com projetos autorais :)

1. Fale um pouco sobre você, como começou a fotografar com filme, e porque curte usar filme.

2. Sobre o que se tratam as fotografias? Desde quando você está fotografando o tema?

3. Que tipo de foto você mais gosta de fazer com filme?

4. Quais são as tuas máquinas/lentes preferidas?

5. Quais são os filmes preferidos (cor/pb/marcas/modelos)?

6. Pode incluir também links do teu site/instagram e falar um pouquinho do que você curte mais postar?

 

--

 Kodak Ultramax 400

Alô Caio!

 

Comecei a fotografar com filme em 2004, quando tive contato pela primeira vez com a Nikonos V. À época, eu cursava mestrado em Ecologia Marinha no Japão, e me interessava principalmente em registrar a vida selvagem marinha. Rapidamente migrei para as digitais compactas, devido ao tamanho e praticidade.

 

 Kodak Ultramax 400

 

Minha fotografia trata de nus, principalmente em ensaios subaquáticos, e comecei a fotografar nus, mesmo que com digitai, há cerca de dez anos. Atualmente, desenvolvo um projeto de duplas-exposições combinando fotos subaquáticas e em terra, a que chamei de Anima:aminA, com o qual busco retratar sentimentos antagônicos, onde i modelo interage consigo próprio em cada uma das situações (debaixo d’água e em terra).

Mergulhar, por si só, já é um baita desafio: trata-se de uma prática que envolve muitas técnicas de segurança. Fotografar debaixo d’água acrescenta um tempero a mais ao desafio do mergulho, e obviamente os primeiros resultados que obtive não são motivo de orgulho para mim, tanto com digital como com analógica.

 

Revolog Volvox

 

Com o passar dos anos, fui adquirindo mais e mais cameras digitais que usava na minha pesquisa, e a Nikonos ficou encaixotada, junto de três rolos de Fuji Provia 100F, com vencimento em janeiro de 2003. Outro dia houve o reencontro, regado de saudosismo e curiosidades: será que estes rolos ainda servem, já que ficaram este tempo todo estocados de qualquer maneira? Encontrei uma modelo, marcamos o ensaio, e o resultado mais que me surpreendeu (as duas próximas fotos foram feitas com ele).

 

 

 

Acho que a fotografia subaquática trás um diferencial para meu trabalho, e revisitar a fotografia analógica subaquática tem sido um desafio prazeroso, onde cada vez é uma experiência totalmente nova, cheia de aprendizado e boas surpresas.

 

Adoro a fotografia subaquática, e meus xodós são as minhas três Nikonos que uso de maneira alternada, torcendo sempre para que não dêm nenhum tipo de problema. O filme colorido com o qual obtive os meus melhores resultados até agora foi o CineStill 800, mas gosto muito de usar preto e branco também (TMax, fomapan e ilford).

 

CineStill 800 

Minhas cameras e lentes preferidas:

Nikonos V com objetiva de 35mm, f/2.5

Mamiya 645 com objetiva de 90mm, f/1.9

 

Uso filmes variados, muitas vezes bastante comuns, como Kodak Ultramax 400 e Colorplus 200 e o Fujicolor C200. Mas também gosto de usar cromo (Provia 100), PB (Fomapan, Kodak Tmax, Eastman Double-x da Kodak e Ilford). Já em 120, gosto mais de usar PB, principalmente Kodak Tmax e Ilford HP5+ 400.

 

Meu IG: bbarros_1980

Minha galeria no Flickr: https://www.flickr.com/photos/25095392@N02/albums

 

 Ilford XP2

 Kodak Ultramax 400

 Kodak Ultramax 400

CineStill 800

 

Todas as fotografias são de autoria de Breno Barros, autorizadas para uso neste Post pelas suas respectivas modelos e pelo próprio autor.

 

--

Envie seu Portfólio! Entra em contato!

www.fotocp.com

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Web Design por © Caio de Carvalho ProencaTodos os direitos reservados.
| Serviços | Sobre | AmostrasContato | Cursos |
Este site é melhor visualizado em formato Desktop.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon